fbpx

Big data e o futuro da medicina preventiva

Com o monitoramento contínuo e a integração de fontes de dados, é possível desenvolver modelos preditivos, o que viabiliza, por exemplo, o planejamento de atendimentos personalizados, a sugestão de novas atividades físicas e, é claro, a venda de planos de saúde desenhados para pessoas de maneira individual e exclusiva.

Read More